quinta-feira, 26 de setembro de 2013

RFFSA

O símbolo da Rede Ferroviária Federal

Símbolo da Rede Ferroviária Federal Sociedade Anônima (RFFSA)
Imagem: amantesdaferrovia.com.br

A história da logomarca da RFFSA

As companhias ferroviárias possuem seus próprios símbolos, expostos em suas unidades de material rodante (locomotivas, carros e vagões), em seus imóveis, nos uniformes dos funcionários e em impressos (ofícios, envelopes e campanhas publicitárias).

Em 1966 a Rede Ferroviária Federal S.A. (RFFSA) realizou um concurso entre estudantes dos ensinos médio e superior em Desenho Industrial, Arquitetura e Engenharia para a escolha de um símbolo que representasse a marca da empresa.

A empresa pública pretendia com isto, como explicava seu edital, "despertar a juventude estudiosa para a importância de uma empresa tão vinculada à economia e à segurança da nação", além de "estimular a criatividade dos jovens iniciantes no design, deles colhendo concreta colaboração, para perpetuar, no tempo, como exemplo válido às futuras gerações".

A iniciativa da RFFSA foi bem acolhida pela imprensa e despertou na época o interesse de 300 estudantes que enviaram suas concepções gráficas.

Dentre os projetos de design gráfico inscritos, a Comissão Julgadora de então (integrada por Antonio Francisco Porto Sobrinho, Mario Ritter Nunes e Armando Britto) selecionou 11 concepções. Destas foram premiadas as 3 consideradas melhores, e surgiu o desenho que se tornaria o maior ícone ferroviário brasileiro.

===

3º Lugar : Arthur Carlos Messina
Sua logomarca é um trilho em corte com um "R" estilizado.
Imagem: vidadmaquinista.blogspot.com.br

Arthur Messina é atualmente um reconhecido arquiteto que atua na cidade de São Paulo, através do Conselho Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (CADES).

===

2º Lugar : Joaquim de Salles Redig de Campos
Sua logomarca é uma Cruz de Santo André estilizada com trilhos.
A placa de trânsito Cruz de Santo André indica aos motoristas que à frente o condutor irá se deparar com um cruzamento de linha ferroviária.
Imagem: vidadmaquinista.blogspot.com.br

Em 1976, Joaquim de Campos criaria uma variação deste símbolo que foi adotado pela Ferrovias Paulistas S.A. (FEPASA).
Joaquim de Campos é um dos pioneiros em design no Brasil, ingressando em 1968 na Escola Superior de Desenho Industrial (ESDI) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e atuando ao lado de Aloísio Magalhâes por mais de 18 anos. Atua como professor da PUC-RJ desde 1975 e tem o seu estúdio (Redig Associados).

===

1º Lugar : Leiko Hana
A logomarca é baseada no desenho de um aparelho de mudança de desvio (desvio ferroviário).
Na minha opinião, os trilhos do desenho lembram vagamente as letras "R" e "F", fazendo alusão à "Rede Ferroviária".
Imagem: vidadmaquinista.blogspot.com.br

Leiko Hana, à época uma aluna, assim como seus colegas concorrentes, em breve se tornaria uma arquiteta pela Faculdade de Arquitetura Mackenzie, em São Paulo (SP).

===

Não fosse o sucateamento ao longo de mais de 30 anos com falta de investimentos, a logomarca da RFFSA seria atualmente, ao lado da Petrobras e Correios, um dos ícones mais preciosos da nação brasileira, como empresa estatal eficiente e que gera riquezas para o país.

===

Esta postagem é uma cópia adaptada, mediante a prévia autorização do autor Clodoaldo de Oliveira, da publicação de 01 de dezembro de 2012 no blog VidaDMaquinista http://vidadmaquinista.blogspot.com.br ).

Alguns trechos foram retirados da mesma publicação, de 26 de fevereiro de 2013, no blog Minas's Trains http://minasstrains.blogspot.com.br ).

3 comentários:

  1. Parabéns pela postagem .... e pela qualidade do blog... abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Eduardo. Vou dando minhas cabeçadas para arranjar tempo e assuntos interessantes. Abraço.

      Excluir
  2. Muito interessante, Sylvio! Além de ter achado merecida a logomarca escolhida, achei bastante válida a interpretação que vc fez dela.
    Abraço,
    Jussara - minasdemim.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...