segunda-feira, 7 de março de 2016

4º aniversário

Quarto ano do blog

Blog HistóriaS
Imagem: Sylvio Mário Bazote

Hoje o blog completa seu quarto ano de existência com mais de 417.000 visitas. Agradeço o interesse e a parceria ao longo do tempo.
Continuo em meu modesto projeto de partilhar e comentar aqui fatos e ideias que considero interessantes sobre História, Psicologia, Minas Gerais, trens, artes e alguns (f)atos cotidianos. Espero que os leitores frequentes e os visitantes ocasionais deste blog estejam descobrindo novos detalhes e pontos de vista sobre algumas possibilidades da vida, no passado e no presente.
Mário Quintana disse que "O tempo não para! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo." Então vamos em frente... 


Imagem: charlottewood.files.wordpress.com

O link abaixo é do álbum no Picasa que tem uma coletânea das imagens que considero representar a essência dos assuntos e ideias do HistóriaS.

6 comentários:

  1. Parabéns pelos 4 anos do blog, Sylvio! Sei que não é fácil quando se quer qualidade no que é publicado. E a vida vai tomando rumos que escapam quase sempre do que planejamos.Também tenho seguido assim... dentro do que é possível e procurando não me cobrar tanto quando não dou conta de tudo.
    No mais... tocando em frente, meu amigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato pela gentileza, Jussara.
      Vamos nutrindo e encaminhando nossas "crias" virtuais da melhor maneira possível, entre perdas e encontros, confiando que as sementes lançadas gerarão bons frutos.
      Um abraço.

      Excluir
  2. Grande Sylvio, quando você deu início ao HistóriaS, ficamos curiosos sobre a forma com a qual você iria tratar o real, pois vc sabe que blog, sendo meio um diário, traz muito do nosso imaginário. E pensamos: quando se trata de História, a coisa é séria. Mas, ao ler aquela história (histórica mesmo) do Marechal Deodoro relutando em proclamar a República, percebemos que o real é o real de cada um. E que o HistóriaS são as histórias do Sylvio sobre a História, que recebe esse "H" maiúsculo para que pensemos ela é ciência. E até há quem a considere assim. Mas aqui "o real não está na saída nem na chegada: ele se dispõe para a gente é no meio da travessia" como dizia o Guimarães Rosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que História e Psicologia se complementam: a psique é o resultado das histórias de vida de um indivíduo e seu singular ajustamento no coletivo, enquanto a História é a escrita dos feitos coletivos costurada pelas entrelinhas das motivações individuais.
      Numa multidão onde muitos estão vendo e vivendo os mesmos fatos, há diferentes olhares que geram diferentes interpretações. Portanto, apesar de uma “versão oficial” do acontecido – compartilhada pela maioria – sempre haverá a possibilidade de distorções de percepções, memórias e emoções; variações sobre um mesmo tema que permite transformar a História em HistóriaS plurais, ao mesmo tempo individuais e coletivas.

      Excluir
  3. Sei como é difícil manter o mesmo ritmo de um blog ainda mais para quem tem atividades profissionais a exercer.
    Tenho acompanhado o blog, embora algumas vezes demoro em fazer algum comentário.
    Meus parabéns pelo blog, continue a nos informar e contar as histórias de Minas, do Brasil, das ferrovias e outros causos mais de mineirices.
    Um grande abraço do Blog do Universo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato pela parceria ao longo do tempo!
      Os parabéns tem mais valor quando vem do autor de um blog tão variado e interessante, como o Blog do Universo.
      Um abraço.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...